Pular para o conteúdo

Assistência sem fronteiras: APEX promove cursos na Alemanha e Suíça

Com curso inédito, APEX retoma itinerância internacional em 2022

Pesquisadores da Associação Internacional de Programação Existencial (APEX) ministraram, no mês de abril, cursos sobre Proexologia no âmbito internacional. O curso inédito, Narrativa Evolutiva, foi realizado em Frankfurt, Alemanha, nos dias 16 e 17 de abril. Já o curso Cosmovisão Maxiproexológica foi lecionado em Bienne, na Suíça, nos dias 23 e 24 de abril. Nesta ação de retomada da itinerância interassistencial, participaram 7 professores, dos quais 2 de Foz do Iguaçu, Brasil e outros 5 do próprio continente Europeu.

Curso da APEX na Alemanha. (Foto: Acervo da APEX)

Compartilhe:

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on telegram
Share on twitter
Share on email
Share on print

Os cursos contaram com 23 alunos, sendo 7 na Alemanha e 16 na Suíça. O voluntário e coordenador administrativo do curso na Alemanha, Carlos Cardoso, fala sobre a importância da retomada das atividades em solo internacional:

"Desde 2015, com a chegada do Prof. Cícero Schünemann, ano em que também iniciei meu voluntariado na APEX, tem havido grandes investimentos para realizar atividades e cursos na Alemanha tanto em alemão quanto em inglês."

Carlos Cardoso

Segundo ele, as atividades que foram pausadas durante a pandemia já estão sendo retomadas.

"A itinerância feita de maneira ininterrupta fortalece o holopensene e abre as portas para cada vez mais atividades internacionais acontecerem."

Carlos Cardoso

Na Suíça, no dia 25 de abril, foi oferecido também o Serviço de Apoio à Programação Existencial (SEAPEX), uma assessoria técnica destinada a proporcionar auxílio e direcionamento sobre questões importantes da vida, como carreira, família, dinheiro, voluntariado, entre outras. Na oportunidade, o professor Laênio Loche, especialista no tema, realizou 4 atendimentos. Segundo ele, o objetivo é, cada vez mais, expandir o trabalho de assistência de destino realizado pela APEX, sobretudo através do SEAPEX.

A instituição, que possui 56 voluntários em 9 países,  pretende ampliar a oferta de atividades pedagógicas e de autopesquisa, formando especialistas, os proexólogos-apoiantes locais, para realizar atividades regularmente em diversos pontos do mundo, a começar pela Europa.

"Assim, além de promover uma verdadeira ativação intermissiva em diferentes países e regiões, os voluntários da APEX atuarão em uma das linhas de frente da reurbanização extrafísica."

Laênio Loche
Curso na Suíça, equipe de docentes e alunos. (Foto: Acervo da APEX)

Em 2023, acontecerá o primeiro curso Balanço Existencial: Reurbanização Extrafísica, na Europa. Para a professora Analu Gallotti, as itinerâncias internacionais foram a oportunidade de preparar os docentes e toda a IC para um trabalho maior.

"Aproveitamos para retomar os preparativos desse curso que contará com mais de 30 voluntários. Qual trabalho virá depois disso? Qual é o seu papel enquanto minipeça do maximecanismo interassistencial no contexto da reurbanização extrafísica na Europa?"

Analu Gallotti

Para mais detalhes sobre as itinerâncias e percepções parapsíquicas dos voluntários, está disponível uma fotopalestra no Calepino  apresentada pelos professores Analu Gallotti e Laênio Loche no dia 29/05/2022.

Para saber mais acesse:

Compartilhe:

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on telegram
Share on twitter
Share on email
Share on print

Expediente:

Mais sobre

Em alta