Pular para o conteúdo

ISIC promove I Ágora Internacional fechando as atividades do I International Weekend Of Conscientiology

O objetivo foi estabelecer um fórum aberto para debater a internacionalização da Conscienciologia

Durante o I Fim de Semana Internacional da Conscienciologia aconteceu pela primeira vez o evento chamado Ágora Internacional, idealizado como meio para atingir os objetivos de internacionalização da Conscienciologia, e contou com a presença de aproximadamente 76 pessoas residentes em várias partes do mundo, sendo 56 online e 20 presencial. O encontro foi realizado no dia 14 de agosto de 2022, das 16h às 18h, no Auditorium do Centro de Altos Estudos da Conscienciologia (CEAEC), organizado pela pré-IC Serviços Interassistenciais para a Internacionalização da Conscienciologia (ISIC).

Foto final da Ágora CEAEC no formato presencial e híbrido (Fotos: Acervo ISIC)
Foto final da Ágora CEAEC no formato presencial e híbrido (Fotos: Acervo ISIC)

Compartilhe:

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on telegram
Share on twitter
Share on email
Share on print

Estiveram representadas no evento, especialmente pelos respectivos departamentos internacionais ou de expansão da Conscienciologia de cada IC, 21 instituições conscienciocêntricas, a saber: Colegiado da Conscienciologia (CDC); APEX; ARACÊ; Assinvéxis; Assipi; CEAEC; Comunicons; Conscius; Consecutivus; Ectolab; Editares; Encyclossapiens; Juriscon; IC Tenepes; IIPC; Liderare; OIC; Reaprendentia; Uniescon; CINEO (UNICIN); Colégios Invisíveis da Conscienciologia; Extracons (pré-IC), e também contou com o apoio da UNICIN e seu Comitê Internacional. 

Ágora Internacional é uma proposta baseada no conceito da Ágora Cognopolita, que segundo o verbete da Enciclopédia da Conscienciologia, escrito por Alexandre Martins Balthazar, é uma praça pública multifuncional em uma Cognópolis, onde temas políticos e parapolíticos são debatidos aberta e democraticamente por todos os participantes, visando estimular a convivialidade saudável entre os cognopolitanos através de atividades culturais e políticas, com ênfase em democracia pura.

Ideia da Ágora apresentada pelo membro do Colegiado da Conscienciologia, Alexandre Balthazar (Foto: Alexandre Balthazar)
Ideia da Ágora apresentada pelo membro do Colegiado da Conscienciologia, Alexandre Balthazar (Foto: Alexandre Balthazar)
Tertúlia 2447 LOW RES – Ágora cognopolita (Parapoliticologia)

A proposta da Ágora Internacional é a constituição de um fórum aberto para debater a internacionalização da Conscienciologia, qualificar a interassistência internacional e promover a integração entre os intermissivistas espalhados pelo mundo, as Instituições Conscienciocêntricas (ICs) e outros órgãos.

Para os direcionamentos desta atividade foi enviado, previamente, um formulário online com a sugestão de quatro tópicos principais: mindset internacional; demandas internacionais; planejamento internacional e estruturas internacionais.

O tópico mais votado foi: mindset internacional – com 14 votos de um total de 35 formulários recebidos. Este tópico compreendeu os temas: múltiplas culturas, diferentes perspectivas, valores intermissivistas, barreiras (como idiomas ou burocracia), falta de viagens e intercâmbios culturais, neofilia, abertura a novas ideias, características de pilares do paradigma internacional.

O evento, se dividiu em três partes principais:

1. Introdução, boas-vindas, apresentação da Ágora e objetivos, consignas e cronograma da atividade; 

2. Debate aberto;

3. Registro de ideias principais visando às boas práticas para a maxiproéxis internacional.

Virginia Ruiz e Patrícia Barbosa, voluntárias da ISIC, abriram o evento dando as boas-vindas aos participantes. Na sequência, Alexandre Balthazar, membro do Colegiado da Conscienciologia, foi convidado para apresentar a ideia da Ágora Cognopolita. Ele presenteou o público com um vídeo que deu materialidade visual ao projeto, seguido com atualizações pontuadas por Marlene Roque, voluntária especialmente convidada para o evento e atualmente responsável pelos direcionamentos do projeto da construção desse empreendimento na Cognópolis Foz do Iguaçu.

O idioma oficial do evento foi o inglês, mas os participantes tiveram a possibilidade de se comunicar em português ou espanhol, além de contar com tradução simultânea para os três idiomas mencionados.

O debate iniciou de maneira aberta, facultando aos participantes a oportunidade de relatar as dificuldades, necessidades e experiências sobre o voluntariado internacional da Conscienciologia. Foi uma atividade nova para todos os participantes que, pouco a pouco, começaram a compartilhar suas experiências. 

"A participação e o engajamento por parte de alguns voluntários que estavam em outros continentes, significou a autoabnegação interassistencial de ficar acordados até tarde da noite no caso da Europa/África ou de madrugada para os participantes que estavam na Austrália, dependendo do fuso horário."

Adina Oprea (voluntária da ISIC)

Na terceira e última parte do evento, os participantes foram convidados a registrar e compartilhar as próprias ideias sobre as melhores práticas no âmbito internacional. Eis a síntese dos registros coletados, em ordem alfabética, copiados aqui em forma de cápsula holomemoriográfica:

Abertismo. Investir em recursos materiais, cursos gratuitos e abertos; incentivar a auto-experimentação criativa e saudável; estar mais abertos a mudanças e espaços na Conscienciologia independentemente de onde possam surgir; diálogo aberto; o uso do princípio da descrença.

Ágora. Manter a Ágora Internacional online em caráter mensal para troca de experiências e intercooperação, Ágora itinerante presencial e mais fóruns de debate e interação internacional.

Bibliodiáspora.  Continuar a distribuição dos livros do professor Waldo em vários idiomas, para as bibliotecas de vários países.

Cultura. Fomentar o respeito a outras culturas; flexibilidade com normas e procedimentos burocráticos; promover adaptações e soluções localizadas de forma responsável e competente onde estão sendo implantadas as Instituições Conscienciocêntricas e não tentar exportar a Conscienciologia como está no Brasil para o exterior; a organização e a forma devem apoiar os conteúdos e não ser um obstáculo.

Docência. Implementar Itinerâncias internacionais; preparar professores para cursos no exterior, por exemplo, ou cooperar com eles; a docência conscienciológica em inglês deve começar dentro das ICs com neologismos, promovendo, empaticamente, abordagens de maneira aberta, e assim por diante.

Eventos. Promover eventos online regulares, sem pré-requisitos, para as pessoas apenas participarem, se conectarem e conversarem, sem assunto pré-definido; fortalecer a semana internacional com a colaboração das ICs; criar outros cursos e eventos internacionais em grupo.

Gescon. Focar na gescon grupal, multicultural e poliglota, praticando a intercooperação e o cultivo de amizades evolutivas.

Intercooperação. Identificar quem está disposto a cooperar; desenvolver um trabalho baseado na amizade; desenvolver mais parcerias e integração entre as ICs nas atividades pró-internacionalização.

Liderança. Eleger epicentros em cada país onde há um grupo de intermissivistas ou IC; Formar epicons que sejam de outros países, além do Brasil, para atuar especificamente no contexto internacional.

Parapedagogia. Fomentar a capacitação e educação para que não falantes de português se tornem epicentros; formar professores para eventos internacionais.

Poliglotismo. Favorecer a aprendizagem de inglês e português; vencer a timidez e incentivar conversas casuais regulares com pessoas de diferentes países; aumentar o poliglotismo e a escrita em outras línguas.

Traduções. Avançar nas traduções de livros da Conscienciologia para outros idiomas.

Voluntariado. Reuniões com o voluntariado em outro(s) idioma(s); tornar a práxis em voluntariar sustentável e prazerosa, com base na amizade; pensar na interlocução e apresentação do corpus teórico conscienciológico a partir da consideração e compreensão da realidade do outro (Parapolíticologia).

O evento aconteceu no Auditorium do CEAEC em Foz do Iguaçu, PR (Fotos: Acervo ISIC)
O evento aconteceu no Auditorium do CEAEC em Foz do Iguaçu, PR (Fotos: Acervo ISIC)
O evento aconteceu no Auditorium do CEAEC em Foz do Iguaçu, PR (Fotos: Acervo ISIC)

Esta Ágora Internacional foi um primeiro experimento laboratorial envolvendo o público internacional conscienciológico, visando objetivos focados na convivialidade sadia e integração para o desenvolvimento da internacionalização da Conscienciologia. 

A equipe de voluntários da ISIC aponta que esta Ágora foi um sucesso pelo número expressivo de participantes e pelas repercussões positivas refletidas na motivação e na alegria entre os participantes da maxiproéxis internacional e pensa-se em futuras edições a serem realizadas de forma periódica.

Foto final da Ágora CEAEC no formato presencial e híbrido (Fotos: Acervo ISIC)
Foto final da Ágora CEAEC no formato presencial e híbrido (Fotos: Acervo ISIC)
Foto final da Ágora CEAEC no formato presencial e híbrido (Fotos: Acervo ISIC)

Sobre a ISIC

ISIC é uma organização sem fins lucrativos, formada por voluntários, atuantes dentro da Comunidade Conscienciológica Cosmoética Internacional  (CCCI). Atualmente, ISIC tem estatuto de “Instituição Pré-Conscienciocêntrica” (pré-IC). Seu  objetivo é auxiliar a internacionalização da Conscienciologia, através das especialidades científicas e das organizações dedicadas ao desenvolvimento dessas ciências, a exemplo das  Instituições conscienciocêntricas (ICs) que estão expandindo seus esforços interassistenciais direto para regiões além do Brasil. 

A ISIC agradece sinceramente a presença de todos os que participaram e contribuíram com as neoideias e pensenes para a construção em conjunto das melhores práticas na esfera internacional e, para a materialização dos resultados desta atividade, renova e reforça o convite para que continuem participando da Ágora Internacional e que venham somar esforços em prol da internacionalização da Conscienciologia.

Para saber mais acesse:

Compartilhe:

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on telegram
Share on twitter
Share on email
Share on print

Expediente:

Mais sobre

Em alta